BLOG DO BEM


29/12/09


FAVELA, música de Arlindo Cruz

Favela, ô
Favela que me viu nascer
Eu abro o meu peito e canto o amor por você.
Favela, ô
Favela que me viu nascer
Só quem te conhece por dentro
Pode te entender.
Entendo esse mundo complexo
Favela é a minha raiz

Sem rumo, sem tino, sem nexo
E ainda feliz.
Nem sempre a maldade humana
Está em quem porta um fuzil
Tem gente de terno e gravata
Matando o Brasil acima de tudo

Favela, ô
Favela que me viu nascer
Eu abro o meu peito e canto o amor por você.
Favela, ô
Favela que me viu nascer
Só quem te conhece por dentro
Pode te entender.

O povo que sobe a ladeira
Ajuda a fazer mutirão
Divide a sobra da feira
E reparte o pão.

Favela, ô
Favela que me viu nascer
Eu abro o meu peito e canto o amor por você.
Favela, ô
Favela que me viu nascer
Só quem te conhece por dentro
Pode te entender.

Como é que essa gente tão boa
É vista como marginal
Eu acho que a sociedade
Tá enxergando mal

Escrito por Blogueiro do Bem às 19h04
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

22/12/09


Início do Fim da Discriminação...
O Juiz Titular da Vara da Infância e Juventude, Joinville (SC), aceitou o pedido de adoção formulado por casal homossexual. A adotada, por determinação judicial, terá o nome das adotantes registrado na certidão de nascimento como mães da criança. Segundo o magistrado, ficou demonstrado que a menina tem sido criada com amor, carinho e recebe a atenção necessária para suprir suas necessidades, sejam elas materiais, psicológicas e morais.
O Estatuto da Criança e Adolescente é categórico em afirmar que a adoção se realizará quando apresentar reais vantagens ao adotando, salientou o Juiz.
O Código Civil, observou, fala sobre a necessidade da adoção - quando realizada por duas pessoas - ocorrer por marido e mulher ou por quem vive em união estável.
"Importante ressaltar que nossos Tribunais têm reconhecido à união estável homossexual", completou.
Desta forma, interpreta o magistrado, resta claro que não há qualquer impedimento para que homossexuais adotem crianças.
O Ministério Público apoiou a decisão.

Escrito por Blogueiro do Bem às 13h19
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Mulheres da Vila do João (RJ), produzem artesanalmente colares, gargantilhas, pulseiras, braceletes, chaveiros e cintos. Tudo Étnico! E, ainda, com retalhos de tecidos e bordados, elas produzem também as bonecas banto e nanaori, que a partir de técnicas africanas incorporaram características da cultura popular brasileira como ciranda e capoeira. O charme das bonecas é tanto que, neste mês, elas viraram o Prêmio Dom Helder Câmara e foram entregues a  dez personalidades dos Direitos Humanos que se destacaram em 2009, na ALERJ.
Além de valorizarem a cultura afro-brasileira, os produtos possibilitam geração de renda e participam de uma rede de economia solidária, no espaço Ação Comunitária, na própria comunidade. Lá se encontram diversos artesãos, de moda, de cerâmica, de cabelo, que, após freqüentarem oficinas de capacitação, formam uma incubadora de empreendimentos para que seus núcleos de produção ganhem estabilidade, projeção no mercado, parcerias e autonomia.
Saiba onde podem encontrar:
1º sábado do mês - Feira de Artesanato - Rua do Lavradio - Centro
2º sábado do mês - Rua do Mercado - Centro
Mensalmente - Evento N'uzo Bakulo - na Vila do João.
- Elas também aceitam encomendas. É só ligar para o Telefone: (21) 2260-3197

Escrito por Blogueiro do Bem às 12h35
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

BIBLIOTECA DIGITAL
A USP lançou um site que disponibiliza 3.000 livros para acesso Gratuito.
Acessando - 
www.brasiliana.usp.br - o internauta encontra livros raros, documentos históricos, manuscritos e imagens que são parte do acervo da Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin, doada à universidade esta coleção de livros e documentos de e sobre o Brasil.
Há planos de aumentar o catálogo para 25 mil títulos e incluir primeiras edições de Machado de Assis e de Hans Staden.
“Livros...Livros à mão cheia...E manda o povo pensar! O Livro caindo n'alma É germe - que faz a palma, É chuva - que faz o mar”. Castro Alves, 1870

Escrito por Blogueiro do Bem às 10h31
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

19/12/09


SER DIFERENTE É NORMAL
O Instituto MetaSocial está lançando a campanha Ser Diferente é Normal, e os Direitos são Iguais.
Está promovendo um abaixo-assinado virtual para conscientizar e promover a inclusão de todos, sem exceção. Ao assinar o manifesto, a pessoa “assina” com a própria imagem, mudando seu rosto para aparentar ter Síndrome de Down.
Assim, o internauta entra na pele de uma das parcelas da população que mais sofre preconceito: as pessoas com deficiência intelectual, e ajuda a levar adiante a mensagem de que Ser Diferente é Normal e, portanto, todos devem ter os mesmos direitos.

PARTICIPE!
http://www.serdiferenteenormal.org.br

Escrito por Blogueiro do Bem às 13h57
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

17/12/09


CAMPNHA PELA LIBERDADE NA TV
Confira a Campanha no site:
www.liberdadenatv.com.br
PARTICIPE!

Escrito por Blogueiro do Bem às 12h57
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Preciso descobrir urgentemente se a miniatura da
Catedral de Brasília é mais pesada que a de Milão.

Escrito por Blogueiro do Bem às 12h11
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

11/12/09


Como apadrinhar uma carta para o Papai Noel enviada por crianças carentes

Os interessados em apadrinhar uma das cartas endereçadas ao Papai Noel dos Correios, enviadas por crianças carentes do RJ, podem procurar a empresa até o dia 17 de dezembro. Prorrogaram o prazo devido ao grande número de pessoas interessadas em ajudar o projeto, que este ano está priorizando o atendimento das cartas de crianças até 10 anos com pedidos de brinquedos.
A procura deve ser feita de 2ª a 6ªfeira, das 09:00 às 16:30, na Casa de Papai Noel montada na sede dos Correios - Avenida Presidente Vargas, 3.077 - Centro.
Os presentes devem ser novos, atender às solicitações de cada criança e entregues devidamente embalados para o transporte postal.

Escrito por Blogueiro do Bem às 16h40
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

ECONOMIA SOLIDÁRIA
O Fórum Sul Mineiro de Economia Solidária é um movimento que reúnem representantes de empreendimentos solidários como: cooperativas, associações, clubes de trocas e/ou grupos informais de produção urbanos e rurais, ONGs que atuam com projetos de geração de renda e orgão públicos.
O objetivo do Fórum é fomentar a inclusão social produtiva fomentando a criação de uma nova economia em que prevalece a valorização do trabalho humano e a preservação da natureza. Um economia sustetável social, ambienta e economica.
Participe:
http://www.forumsulmineiroeps.ning.com

Escrito por Blogueiro do Bem às 13h42
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

10/12/09


ONG Ser-Alzira de Aleluia - Uma inspiração na Família
Aulas de balé, inglês, informática, cabeleireiro, capoeira, reforço escolar, atendimento psicológico e, sempre que possível, entrega de cestas básicas a moradores da comunidade do Vidigal, desde 2003, o Casal mantém com recursos próprios e com a ajuda de voluntários. 
A ONG foi criada em homenagem a Avó.
"Inspirada na minha Mãe e na minha Avó Alzira, eu sempre idealizei essa ONG. Minha Avó era lavadeira e nunca deixou de prestar assistência social onde morávamos, no Vidigal. Ela dava conselhos às famílias, convidava algumas pessoas para almoçar na nossa casa e minha Mãe distribuía pão e agasalho em festas juninas. Além disso, a ONG é uma forma de retribuição ao que os patrões da minha mãe fizeram por mim, eles me deram educação e alimentação", diz o marido.
A instituição dispõe, ainda, de bolsas para cursos na Cultura Inglesa e pretende inaugurar uma colônia de férias, com diversas atividades esportivas e salão de festas. Entretanto, para dar continuidade e ampliar as atividades, ele chama atenção para a necessidade de patrocínio e envolvimento da comunidade.

Escrito por Blogueiro do Bem às 16h48
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

TEATRO DO OPRIMIDO ABRE INSCRIÇÕES PARA OFICINA
Centro de Teatro do Oprimido oferece ao público a oportunidade de vivenciar os resultados de um dos mais recentes processos de pesquisa realizado por Augusto Boal e a equipe do CTO: a invasão dos cérebros.
O Teatro do Oprimido prepara o ator através de uma metodologia teatral que reúne exercícios, jogos e técnicas teatrais, concebida pelo teatrólogo Augusto Boal. Um dos objetivos é a desmecanização física e intelectual dos participantes e a democratização do teatro, integrando as camadas mais populares e aproximando a linguagem teatral da linguagem humana usada por todas as pessoas no cotidiano.
A oficina unirá duas das técnicas de Boal. O Teatro-Fórum destrói a barreira entre palco e platéia a partir do diálogo. Desta forma, é produzida uma encenação, baseada em fatos reais, em que os personagens oprimidos e opressores entram em conflito na defesa de seus interesses. Após o fracasso do oprimido, o público é estimulado a entrar em cena, substituir o protagonista e solucionar o problema. Já o Arco-Íris do Desejo reúne técnicas terapêuticas e teatrais aplicadas nos casos em que a opressão foi internalizada, exercendo pressão na repercussão de idéias e atitudes.
Data: 25 a 29 de janeiro
Horário: 14:00 às 19:00hs
Local: Centro de Teatro do Oprimido
Av. Mem de Sá, 31 - Lapa (RJ)
Inscrições pelos Telefones: (21) 2232-5826 ou 2215-0503, com Cláudia Simone

Escrito por Blogueiro do Bem às 16h36
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


03 FRASES PARA REFLEXÃO

1ª) Para obter algo que você nunca teve, precisa fazer algo que nunca fez.
2ª) Quando Deus tira algo de você, Ele não está punindo-o, mas apenas abrindo suas mãos para receber algo melhor. 
3ª) A Vontade de Deus nunca irá levá-lo aonde a Graça Dele não possa protegê-lo.

Escrito por Blogueiro do Bem às 11h25
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

COMEÇAR DE NOVO
Olhar triste, mãos trêmulas e marcas pelo corpo. Aos 21 anos, o jovem carrega experiências que gostaria de esquecer. “Passei dois anos no inferno da cadeia. Sofri na pele a violência de outros presos. Apanhei muito. Nunca suportei a solidão daqueles corredores. Não nego que perdi muito tempo, mas aprendi a valorizar a vida”, desabafa.
Ex-detento do Presídio Vicente Piragibe, em Bangu (RJ), o rapaz ganhou a liberdade há 10 meses, tempo suficiente para se matricular no curso técnico de Administração, promovido pelo projeto Protejo do Pronasci-Rio e do Ministério da Justiça.
Ontem, ele era um dos 2.500 jovens, entre 15 e 24 anos, de 18 comunidades de 13 cidades do RJ que receberam o certificado de conclusão, no Teatro João Caetano, Centro do Rio. Para Ele, o documento simbolizou sua alforria. “Esse curso foi o primeiro passo em direção ao futuro e à liberdade. Recuperei o prazer pelos estudos e quero me formar em História ou Letras”, promete.
Por influência de amigos, começou a usar maconha e cocaína aos 13 anos. Não demorou muito, conheceu o crack. Há dois anos, um furto de celular, para comprar drogas, levou o viciado à prisão.
Órfão de pai, o estudante divide o espaço de um sala e quarto com a mãe, de 53 anos, em Queimados, na Baixada Fluminense. “Não vejo a hora de trabalhar porque ela dá um duro danado”, diz.
Como o Pronasci prevê a distribuição de R$100,00 mensais para os alunos dos cursos, o rapaz encheu os olhos de lágrimas ao responder por que o dinheiro não foi a sua principal motivação.
“Precisava conviver com gente, sabe? Gente de verdade”.
- PARABÉNS, Júlio César de Souza Conceição, QUE DEUS ABENÇOE E ILUMINE SEUS CAMINHOS.

Escrito por Blogueiro do Bem às 09h23
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

09/12/09


Exposição aponta propaganda enganosa do cigarro
A Exposição "Propaganda do cigarro: como a indústria do fumo enganou as pessoas" chegou à Caixa Cultural, no RJ, a fim de denunciar os malefícios desse produto.
Ela traz 63 peças publicitárias produzidas entre 1920 e 1950 para a TV e veículos impressos.
Nas obras, a denúncia de como a indústria tabagista usou a propaganda para esconder os efeitos do cigarro.
ENTRADA GRATUITA!
Endereço: Av. Almirante Barroso, 25 - Centro 
Horário: 3ªfeira a Domingo, das 10:00hs às 22:00hs

Escrito por Blogueiro do Bem às 17h13
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

TRATAMENTO GRATUITO PARA DEIXAR DE FUMAR
A Santa Casa de Misericórdia, no Rio de Janeiro, está oferecendo Tratamento Gratuito para as pessoas que querem parar de fumar.
O Tratamento terá acompanhamento psicológico, através de terapia em grupo e utilizando métodos que possam ajudar à quem deseja largar o cigarro, como Adesivo, entre outros.

- Interessados, ligar para o Telefone: (21) 2533-0118

Escrito por Blogueiro do Bem às 15h33
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

2ª EDIÇÃO "SOLIDARIEDADE COM ARTE", EM ARACAJÚ
Dia 10 de dezembro, acontece na Galeria Jenner Augusto (Sociedade Semear) a 2° Edição da Exposição "Solidariedade Com Arte". Todas as Obras, independente da técnica, artista ou dimensões, serão vendidas a preço único de R$200,00. Todo valor arrecadado será destinado a jovens de escolas municipais e estaduais que serão selecionados e ganharão bolsas de cursos profissionalizantes. Mais de 30 artistas participam desta iniciativa.
As Obras estão no Blog: http://www.solidariedadecomarte.blogspot.com ou na sede da Sociedade Semear - Rua Vila Cristina, 148.

Escrito por Blogueiro do Bem às 12h05
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

08/12/09


Brasil, a nação do improviso
Existe uma palavra-chave para entender o milagre, se é que ele existe, do Brasil estar entrando no ultracompetitivo clube que movimenta a economia global: "gambiarra".
Aqui, o termo ainda tem um certo sentido pejorativo, mas se tornou tão cotidiano e popular na cultura brasileira como o futebol. "Fazer uma gambiarra" significa resolver de forma improvisada, quando não ilícita, uma questão tecnológica.
Uma das primeiras e mais famosas gambiarras brasileiras - espalhadas como um vírus pela nação - foi a técnica de pendurar um produto de limpeza, a palha de aço, na ponta das antenas dos antigos aparelhos de TV para melhorar a recepção da imagem.
É importante apontar a característica que diferencia a gambiarra brasileira de outras manifestações "gambiárricas" pelo mundo, como o Maker Movement nos EUA ou a tendência "faça-você-mesmo". A gambiarra brasileira é filha única da necessidade com a absoluta falta de recursos.
No dicionário Houaiss, gambiarra significa extensão elétrica com uma lâmpada na extremidade utilizada para trabalhar em ambientes escuros. No mesmo verbete, registra-se ainda o significado informal da palavra: extensão puxada fraudulentamente para furtar energia elétrica, também conhecida como "gato". Com a revolução digital, a travessura ampliou-se para outros modelos de negócio, como a distribuição ilegal de TV a cabo e internet banda larga nas periferias das grandes cidades.
Longe de elogiar a ilegalidade, penso que é hora de o Brasil e seus parceiros comerciais acordarem para o talento do brasileiro para o improviso alaranjado pela vontade de ser alguém na vida.
Garrincha, o mais popular jogador de futebol brasileiro depois de Pelé, é um exemplo clássico dessa virtude. O "Anjo de Pernas Tortas", como ficou conhecido, nasceu de pai alcoólatra e com várias disfunções físicas. Tinha a perna direita curvada para dentro e a perna esquerda, seis centímetros mais curta, curvada para fora.
Soube usar com destreza esse swing involuntário, causado pelo deslocamento inusitado do seu centro de gravidade, para se tornar o maior driblador da história do futebol mundial. Como ponta-direita titular da seleção, foi a grande estrela da conquista de duas Copas do Mundo pelo Brasil: 1958 na Suécia e 1962 no Chile.
Quando o assunto é tecnologia, outros "garrinchas" despontam pelo território nacional. Falo de figuras como José Júnior Luísa, habitante da zona rural de Taperoá, cidadezinha da Paraíba. Diante da necessidade de transportar leite de sua pequena fazenda para a cidade e da absoluta ausência de financiamento para a compra de um automóvel, Junior criou com suas próprias mãos uma espécie de Smart car brasileiro improvisado.
Com o motor de uma motocicleta 125cc caindo aos pedaços, encarou a tarefa de ser o projetista, construtor e único piloto de testes do novo bólido. Sobre um chassi tubular configurou um sistema de tração traseira utilizando uma corrente. Com doações de amigos e algum garimpo pelos ferros-velhos locais, improvisou bancos, painel de controle, câmbio, pedais e até um espelhinho retrovisor. Equipou o possante com quatro rodas de moto, mas teve o cuidado de inserir calotas de automóvel para dar um ar, digamos, de segurança e respeito.
Claro que não acredito que o Smart car do Júnior vá competir com o da Swatch Mercedes. Mas talvez sua existência seja um bom motivo para o Brasil rever sua eterna vocação de exportador de matéria-prima.
Temos, como se sabe, o melhor futebol do mundo. Só que em vez de exportar o futebol -os direitos de transmissão pela TV, por exemplo, como fazem os europeus- exportamos a matéria-prima: os jogadores.
Até o nome do nosso país veio da primeira matéria-prima aqui encontrada, arrancada e exportada a preço de banana: a madeira pau-brasil. Quem sabe não é hora de investir no talento para o improviso e exportar gambiarras legalizadas e de alta qualidade: ou seja, de o Brasil exportar inovação?

Escrito por Marcelo Tas

Escrito por Blogueiro do Bem às 13h52
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

07/12/09


Jovem de 15 anos combate aquecimento global com técnica que calcula poluição
Um jovem estudante de 15 anos, do Rio de Janeiro, resolveu calcular a poluição de sua escola, o CIEI, e de uma loja de grife e indicar o número de mudas de árvores que devem ser plantadas por essas empresas para neutralizar suas respectivas emissões de CO2.
Utilizando dados relativos ao transporte de ida e volta dos funcionários, consumo de eletricidade, transporte naval e terrestre das mercadorias importadas da França, e a experiência com o CIEI, o jovem fez as contas e concluiu que é preciso 33 árvores por ano para neutralizar as emissões de CO2. Como a franquia foi lançada em 2007, a proprietária, decidiu zerar espontaneamente o passivo ambiental e plantar não apenas 33, mas 99 mudas.
A ONG Organização Surfe do Brasil (O'Surfe) vai ajudar no plantio.
"Tenho uma forma técnica para chegar ao resultado. Espero que a minha idéia se multiplique. De muda em muda, podemos criar uma floresta de transformações que vai mudar a face do planeta e garantir o futuro da humanidade e de todas as espécies que habitam a Terra", disse o jovem.
O adolescente foi o mais jovem expositor da maior reunião mundial sobre biodiversidade e meio ambiente do 23º Encontro Anual da fundação americana Sociedade para a Conservação da Biodiversidade (Society for Conservation Biology), na China, em julho deste ano, quando apresentou o trabalho feito para o CIEI.
OBRIGADO Henrique Bergallo Rocha!!!

Escrito por Blogueiro do Bem às 14h59
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Festival de filmes reúne produções nacionais sobre o cotidiano das favelas
A 2ª edição do Festival Nacional de Vídeos Favela é Isso Aí - Imagens da Cultura Popular Urbana acontece em Belo Horizonte, entre os dias 09 e 12 de dezembro. Serão exibidas 47 produções que  abordam temáticas focadas na cultura popular urbana. Os filmes selecionados para mostra retratam o cotidiano das comunidades periféricas ou foram desenvolvidos a partir de oficinas e projetos socioculturais realizados em vilas e favelas.
- Serviço:
2º Festival Favela é Isso Aí - Imagens da Cultura Popular Urbana
Datas: 09 a 12 de dezembro
Local: Usiminas Belas Artes Cinema
Rua Gonçalves Dias, 1.581 - Lourdes
Horários: 19:00 e 20:15
Ingressos: Entrada Franca
Os ingressos serão distribuídos 30 minutos antes da sessão

Escrito por Blogueiro do Bem às 14h48
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Projeto Horta Comunitária alimenta e capacita moradores de Mato Grosso
Moradores do bairro Jardim Vila Nova, periferia de Confresa, Mato Grosso, estão plantando e colhendo verduras, milho, arroz e feijão orgânicos para o próprio sustento, no Projeto Horta Comunitária, desenvolvido pela Central Única das Favelas e incubado pelo Instituto Federal do Mato Grosso. Além da subsistência, o Projeto traz uma alternativa aos desempregados, capacitação técnica em agricultura e uma alimentação mais saudável.
"Muitos envolvidos estão desempregados e podem colher o que plantam na área da horta e da lavoura para se alimentar. E como os produtos são orgânicos, contribuem para a saúde", diz o coordenador geral.
Além desses benefícios, o projeto incentiva a ocupação dos jovens numa atividade que pode aproximá-los dos estudos e de uma nova profissão:
"A Horta Comunitária tem também um intuito social, pois os jovens do projeto estão ocupando seus espaços vagos com alguma atividade, e isso os incentiva a estarem mais ligados ao que o IFMT tem a oferecer como instituição de ensino", conclui.

Escrito por Blogueiro do Bem às 14h42
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Candieiro Incendiário mistura teatro, dança e literatura à cultura nordestina
O Grupo Candieiro Incendiário, do Jardim Jaraguá, periferia da Zona Oeste de São Paulo, difunde a cultura popular nordestina através do diálogo entre diversas linguagens artísticas. Manifestações como o coco, ciranda, aboios, cordel e repente misturam-se à dança, ao teatro, à literatura e à música em uma apresentação que anima e esclarece as tradições.
"Em nosso show, além de levar a cultura artística do nordeste, mostramos a diferença entre, por exemplo, cordel, repente e trava-língua que muitos têm dúvida e acham que é a mesma coisa", conta um dos fundadores do grupo.
O Grupo surgiu em 2004, a partir de uma oficina de construção de instrumentos de percussão.
"Muitas pessoas que não conhecem as tradições nordestinas têm preconceito e logo dizem que não gostam. Mas após conhecer, curtem e querem aprender. E quando a comunidade compreende que é uma forma de valorização da identidade, passa a gostar mais", conclui.
- Próximas apresentações do Candieiro Incendiário
Galeria Olido
Data: 07 de dezembro
Local: Avenida São João, 473
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
CEU Anhanguera
Data: 12 de dezembro
Local: Rua Pedro José de Lima, 120 - Parque Anhanguera
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
Feira de Arte de Perus
Data: 13 de dezembro
Local: Praça José Correia Picanço - Vila Anhanguera

Escrito por Blogueiro do Bem às 14h37
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Escrito por Blogueiro do Bem às 11h50
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


PARTICIPE!

Escrito por Blogueiro do Bem às 10h22
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

04/12/09



SEJA VOCÊ TAMBÉM, UM VOLUNTÁRIO!

Escrito por Blogueiro do Bem às 11h48
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Alerta sobre o câncer de pele
Com o objetivo de alertar a população sobre os riscos do banho de sol sem proteção, a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) lança a 11ª campanha de prevenção ao câncer de pele. Um ônibus vai percorrer a orla do Rio de Janeiro com equipe de médicos para fazer diagnóstico da doença na população. Outros 29 pontos em todo o estado do RJ também oferecerão o serviço.
Se for detectada suspeita da doença, o paciente será encaminhado para unidades conveniadas à SBD, Gratuitamente.
O "Tour de Prevenção" percorrerá todo País. O caminhão terá dois consultórios, além de dermatologistas e enfermeiros, que irão realizar diagnósticos, entre 09:00 e 15:00hs.

- Mais Informações no Telefone: 0800-7013187

Escrito por Blogueiro do Bem às 09h19
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

02/12/09



Greenpace espalha outdoors pelas ruas, com os dizeres:
"Desculpe, nós poderíamos ter impedido mudanças climáticas catastróficas...
mas não impedimos"

Escrito por Blogueiro do Bem às 17h20
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Cinco maneiras de ter um natal mais verde neste ano
O natal está chegando. Tempo de festas e exageros, certo?
Oqueie, mas não deixe de pensar no nosso planeta!
1ª) Deixe o cartão de natal de lado. Use o E-mail e não gaste papel!
2ª) Embrulhe seus presentes com papel reciclado.
3ª) Cuidado com as luzes de Natal! Desligue quando não estiver usando e tome cuidado com os excessos.
4ª) Não gosta de árvore artificial? Tudo bem, mas compre uma com raiz, para poder replantá-la após as festas.
5ª) Produtos verdes estão na moda. Dê presentes que sejam amigos do meio-ambiente.

Escrito por Blogueiro do Bem às 16h55
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Não me escandaliza mais os bolos de dinheiro nas meias, nem dólares nas cuecas.
Mas, convenhamos que é de enlouquecer qualquer mortal as explicações cínicas dos políticos e seus comparsas tripudiando de nossa demência como povinho sub-desenvolvido mentalmente.
Flagrados roubando, eles dizem que a dinheirama era para compra de panettones para pessoas carentes.
Afinal, eles tem família e, é Tudo pelo Social (que social? Cara Pálida).
Se lixam para a opinião pública e para o desvario entre realidade e suas versões.
Chegará o dia em que explicarão o roubo dizendo que o fazem para o bem do Brasil, e ponto final.
Como diz o Bóris: "Isto é uma vergonha!"

Escrito por Blogueiro do Bem às 09h02
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]
 

Perfil



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, RIO DE JANEIRO, GLORIA, Homem, de 36 a 45 anos, Portuguese, Arte e cultura, Esportes

Histórico

" target="_blank">Relógio
  • TEXTOS
  • RESPONSA HABILIDADE
  • contador" target="_blank">Visitantes
  • Visitante Número